segunda-feira, 29 de outubro de 2012

OS VERDADEIROS IMITADORES DE CRISTO

Sede meus imitadores, como também eu de Cristo. 1ºCor 11.1
Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou. 1ºJo 2.6.

 Pode o imperfeito imitar o perfeito? Poderá ser igual? Pode o corruptível imitar o incorruptível?. Pode o impuro imitar o puro? Pode o falível imitar o infalível?
Pode o cobre imitar o ouro puro? Pode o vidro imitar o diamante? Pode a bijuteria imitar as jóias verdadeiras? e Conseguirá ser igual? Pode o homem imitar o seu Deus? e conseguirá ser igual?

O que é imitar? Segundo o Dicionário Aurélio é:Fazer exatamente (o que faz uma pessoa ou animal); reproduzir à semelhança de, Ter por modelo ou norma. Tentar reproduzir o estilo ou a maneira de (um artista):
Estamos em um mundo onde muitas pessoas elegeram como razão de suas vidas a imitação, a imitação de uma celebridade, de um ator, de um cantor, de um personagem de um filme ou de uma novela, de um personagem de uma revista em quadrinhos, etc. Muitos encontraram nisto uma maneira de ganhar o seu próprio sustento, ou uma obsessão em ser o igual ao outro, há cantores que fazem shows sendo verdadeiros sósias de outros cantores, imitam o mesmo estilo, a mesma voz, usando a mesma roupa, fazem os mesmos gestos, dançam da mesma maneira.
Fiquei admirado com uma noticia de que um homem na Filipinas chamado Herbert Chavez, fez uma série de cirurgias plásticas desde 1995 para ficar parecido com o personagem das revistas em quadrinhos chamado de o Super-Homem. Entre as mudanças, o filipino fez plásticas no nariz, nos lábios, nos olhos, no queixo, alterou a forma das coxas e até clareou o tom da pele, este homem imita um ser irreal, que existe apenas na ficção, nos filmes e nos desenhos das histórias em quadrinhos, por certo para Herbert Chaves ele esta vivendo um sonho realizado de ter aparência deste personagem, e se anulou para viver a vida do seu herói fictício. E se formos citar as inúmeras imitações bizarras que aparecem nos diversos noticiários, ficaríamos chocados.
È claro que somos seres que vivemos da imitação, para uma criança conseguir falar e andar é instintivo entretanto boa parte do seu aprendizado é através da imitação dos sons que ouve, é natural sermos imitadores, imitamos os nossos pais, imitamos involuntariamente os gestos, a maneira de falar dos nossos pais e o sotaque da região que vivemos e o idioma que falamos.
Há imitações de diversos produtos que são cópias perfeitas, há vidros tão bem lapidados que parecem serem diamantes, há bijuterias que são verdadeiras pérolas, que só um perito para reconhecer que é uma imitação, porém nunca será o verdadeiro será sempre uma cópia uma imitação.
Paulo parece falar com bastante ousadia, convoca a todos para imitá-lo assim como ele é imitador de Cristo, para alguém dizer isto tinha que realmente provar que imitava a Cristo, por que antes de tudo, ele sabia que era ser um imitador verdadeiro de Cristo Jesus?. Porque Paulo carregava no corpo as marcas de Cristo, Gl 6.17, ele sabia o que era sofrer pelo evangelho de Cristo, ele provava constantemente dos sofrimentos de um verdadeiro seguidor de Cristo, ele sabia na prática o que era negar a se mesmo e estava disposto a dar a sua vida pelo evangelho de Cristo e pelos seus irmãos assim como Cristo fez.

Como podemos então imitar a Cristo Jesus nosso Senhor?

Na cidade de Antioquia os discípulos foram pela primeira vez chamados de cristãos, At 11.26, porque então eles receberam este apelido? Será que aqueles homens demonstraram alguma semelhança com Jesus, será que eles tinham aparência física semelhante à de Jesus, as túnicas que usavam eram iguais que Jesus usava? eram da mesma cor? Os seus gestos eram os mesmos gestos que Jesus fazia? O que era na verdade que os faziam serem parecidos com Cristos?, Era o proceder dos discípulos, a mensagem que eles pregavam era a mesma que Jesus pregava e a maneira que agiam e se comportavam era do mesmo modo que Jesus se comportava, eles anunciavam que Jesus ressuscitou de entre os mortos, anunciavam que ele era o Messias e provavam através das suas obras que a razão de suas vidas era servir a Cristo e anunciar seu evangelho.
Herbert Chávez imita o super homem da fantasia, nos cristão temos que imitar o verdadeiro super homem, que é Jesus Cristo, pois ele venceu todas as coisas, venceu o pecado, venceu o diabo, Ele pisou na cabeça da serpente na cruz do calvário, ele venceu a morte ressuscitando no terceiro dia e estar assentado a destra de Deus Pai todo poderoso, Ele voltará em glória majestade e poder e regerá as nações com vara de ferro.


Devemos então imitá-lo:

- No amor verdadeiro ao Pai.
Amando a Deus com todo o nosso coração Dt 6.5, não apenas em palavra mais em verdade, muitos afirmam que amam a Deus, porém provam com suas ações que não o conhecem e nem o amam, pois devemos esta provando que o amamos através da nossa obediência ao Pai, assim como nosso Senhor Jesus foi obediente ao Pai até a morte de cruz, Fp 2.5-8.

- No amor ao próximo.
Amando as almas, tendo compaixão pelas almas perdidas, amando os nossos inimigos. O cristianismo não pode ser em nossas vidas apenas uma teoria, ou simplesmente uma religião mais tem que ser uma prática verdadeira daqueles que professam que amam o Nazareno, temos que viver em novidade de vida, executando as ações de Cristo, que devem fluir espontaneamente em nossas vidas. O amor é algo que flui e não é imposto, assim o amor ao próximo deve fluir porque temos a natureza de Deus e Deus é amor, E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. 1º Jo 4.16. O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. Jo 15:12 .

- Na perseverança,.
Ele foi tentado em tudo, porém ele não pecou.assim, como então Cristo Jesus foi perseverante em sua missão, foi tentado e em nenhum momento ele pecou ou desistiu de entregar-se a se mesmo como sacrifício pelo nossos pecados, Hb 4.15, Jo 10.18, e  perserverou em sua pureza e santidade. Devemos então perserverar em nossa fé em Cristo, lutando para não pecarmos, os problemas e dificuldades, as tentações, as tribulações surgirão para nos forçar a sermos apenas cristãos nominais, ou simplesmente abandonarmos a nossa fé em Cristo, e nos levar a pecar contra Deus para perdemos a nossa comunhão com ele e perdemos a nossa salvação. lembrando dos nossos primeiros irmãos em Cristo que não negaram a sua fé mesmo sabendo muitos deles que seriam humilhados servindo de escárnio para a sociedade da época, perderiam as suas propriedades sendo reduzidos a pobreza, seriam trucidados, perderiam seus entes queridos, seriam devorados pelos leões, queimados vivos, mortos a fio da espada, porém permaneceram firmes na fé Cristo Jesus. E vós fostes feitos nossos imitadores, e do Senhor, recebendo a palavra em muita tribulação, com gozo do Espírito Santo. 1º Tess 1.6.
Devemos então imitar a Jesus nosso Senhor em todas as coisas, ele é o nosso exemplo em tudo, nele não há erro, nele não há duvidas, nele esta a perfeição. Embora todos sabemos que somos imperfeitos e ele é perfeito, mais ele é aquele que aperfeiçoa o nosso caminho. Deus é o que me cinge de força e aperfeiçoa o meu caminho Sl 18.32.

Nos o imitaremos em glória, quando ele se manifestar. Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos. 1ºJo 3.2. Quando Cristo Jesus arrebatar a sua igreja, nos os salvos seremos transformados deixaremos este corpo perecivel, a velhice, as doenças, a morte não nos atingirá mais, os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro, nos os que estivermos vivos seremos arrebatados e receberemos um corpo de glória, semelhante ao do nosso Senhor Jesus, claro que não será na mesma glória e poder que tem nosso Senhor, porque ele é Deus eterno, mais teremos corpos reluzentes manifestadores da glória de Deus, seremos mais que superhomens, pois seremos semelhantes aos anjos, julgaremos as nações e os anjos rebeldes, 1º Cor 6.3.

Quando penso nas literaturas, nos filmes que abordam temas sobre os superherois, nestas historias ficticias de homens que possuem poderes sobrenaturais, que voam, que correm acima da velocidade da luz, que voam acima das estrelas, que se tornam invisiveis, observo nisto que os homens no fundo da suas almas gostariam de vencer os seus limites impostos pelas leis da física, pela força da gravidade, pelas limitações do próprio corpo humano, aliás vou mais além há um desejo oculto de ser igual a Deus, de não haver limitações para eles, de serem invenciveis. Nós crentes em Jesus no arrebatamento venceremos todos os limites, venceremos a morte assim como nosso Senhor Jesus Cristo venceu, brilharemos mais que as estrelas, estaremos para sempre com o Senhor. E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. Ap 21:4, Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai Mt 13.43. Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos ensinam a justiça, como as estrelas sempre e eternamente. Dn 12:3.

Por Wanderley Audi

Nenhum comentário:

Postar um comentário